icon Capacitação Técnica

A I-Pac realiza Capacitações Técnicas in company ou sob demanda. Nossa equipe é composta por membros com mais de 10 anos de experiência

Cursos disponíveis (Descrição e Grade serão disponibilizadas em breve):
A i-PAC monitora os requisitos exigidos ou recomendados pelo Serviço de Inspeção Federal, apto ou não apto ao abate, tocante atribuição exclusiva ao Médico Veterinário. Liminarmente a Inspeção “Ante-Mortem” é um exame tão somente visual, de caráter geral, mas em que o técnico necessita observar requisitos, com acuidade, o comportamento dos animais e avaliação documental na recepção das espécies para o abate. A INSPEÇÃO “POST-MORTEM” é efetuada rotineiramente nos animais abatidos, através do exame macroscópico de partes e órgãos e nodos-linfáticos, abordando o contexto as linhas de inspeção na rotina do serviço .
A i-PAC atenta as boas práticas de bem-estar animal, com base na legislação, normas e acordos internacionais. Com diagnóstico sobre os impactos e benefícios para os pontos fundamentais que agregam múltiplos benefícios para a população e para os animais, sendo que o bem-estar animal é fortemente influenciado pelo comportamento humano. A melhoria do bem-estar dos animais, deve começar com uma avaliação dos riscos e oportunidades de todo o sistema ou da cadeia para melhorias das práticas para cada situação. O bem-estar animal é um assunto complexo e frequentemente tem uma forte carga emocional, as diferenças culturais podem levar a defender vias de ação distintas relacionados aos pilares de alimentação, instalações, estado sanitário, comportamento, transporte.
A i-PAC oferece um sistema que proporciona uma isonomia para equipe da garantia da qualidade de checar os processos (monitoramento, verificações e gráficos) facilitando a análise dos resultados. O sistema é seguro e confiável, atende a legislação, colaborando nas decisões e prestações de informações perante as fiscalizações de forma ágil e precisa agregando confiabilidade no processo de gestão para cada tipo de estabelecimento pertinentes à cada processo independente ao “selo” (SIF - SIE -SIM /SISBI) de fiscalização que o estabelecimento esteja registrado.
A i-PAC capacita para uso de uma ferramenta de trabalho que facilita a implantação e o monitoramento das fases para adesão ao programa do selo arte que permite a venda dos produtos alimentícios artesanais em todo Brasil. O sistema disponibiliza informações necessárias baseando-se no manual de construção e aplicação conforme a lei n° 13.680, de 14 de junho de 2018..
A i-PAC realiza a capacitação de profissionais através da interação com o sistema-software, aplicando as atividades praticadas diariamente pelos profissionais ligados à área de inspeção e na garantia da qualidade. Os profissionais interagem com uma ferramenta de gestão da qualidade que é modernização dos processos de autocontrole com inovação tecnológica.
A i-PAC capacita os colaboradores e equipe para análise e tomada de decisões sobre uma gestão de riscos que é um tema cada vez mais importante para os negócios e, por isso, as empresas têm demonstrado maior preocupação frente aos seus negócios. Os riscos são importantes para as decisões estratégicas. Os riscos, são a principal causa das incertezas nas organizações e de avaliação de processo presentes nas atividades mais simples de uma empresa. Uma abordagem ampla e corporativa da gestão permite tomada de decisão sobre os processos, atividades, produtos e serviços.
Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle, ou em inglês Hazard Analysis and Critical Control Point é um sistema de gestão de segurança alimentar. A i-PAC capacita profissionais correlacionando suas atividades na identificação do perigo, identificação dos pontos críticos de controle (PC -PCC), estabelecendo limites críticos, monitorização, ações corretivas a serem adotadas, procedimentos de verificação e registro de resultados, relacionando e comparando dados mensais permitem as indústria tomada rápida e eficiente para correção do problema, garantindo qualidade.
A i-PAC oferece e estabelece os requisitos, conforme determina a legislação, necessários de padronização e harmoniza aplicabilidade de monitoramento e verificação dos processos para atingirem os resultados que garante a inocuidade e segurança alimentar. O sistema fortalece as equipes tendo acesso aos programas de autocontroles alicerçados nas legislações Federais e Estaduais para as inspeções e fiscalizações dos procedimentos e critérios necessários para reconhecimento de adesão ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI-POA).
Gestão de Risco para POA.
Boas práticas agropecuárias: conjunto de atividades, procedimentos e ações adotadas na propriedade rural com a finalidade de obter leite de qualidade e seguro ao consumidor e que englobam desde a organização da propriedade, suas instalações e equipamentos, bem como formação e capacitação dos responsáveis pelas tarefas cotidianas realizadas;.
Biossegurança.
Vigilância Sanitária.